O que você está procurando?

podcast-4.png

To play, press and hold the enter key. To stop, release the enter key.

Tamanho do estômago do bebê X quantidade de leite


Tamanho do estômago do bebê X quantidade de leite

Muitas mamães de primeira viagem não conseguem entender o porquê do bebê mamar tão pouquinho como um passarinho. E por que ele precisa mamar de 3 em 3 horas...? Bom!, neste post você vai entender que o estômago do recém nascido é tão pequeno que, um pouquinho que ele mama enche rapidinho o seu estômago. Mas ao mesmo tempo que enche rápido, também esvazia rápido, e o recém nascido sente necessidade de ser alimentado quase que 24 horas por dia, pois quando ele estava dentro do útero materno ele estava acostumado a ser saciado, alimentado 24 horas por dia, agora após o nascimento a mamãe só quer alimentá-lo a cada 3 horas! O bebê não aguenta, ele chora sim, e chora de fome!

Veja agora o tamanho figurativo do estômago do seu bebê e entenda melhor a sua evolução com o passar do tempo.


1° DIA DO BEBÊ

O bebê de recém nascido no primeiro dia de vida tem o estômago do tamanho de uma cereja, com capacidade de 5 a 7 ml para o leite colostro. O leite colostro é produzido logo após o nascimento do bebê e a duração deste primeiro leite materno é entre três a cinco primeiros dias e tem aparência leite mais amarelado. O leite colostro é altamente concentrado, com mais proteínas, rico em nutrientes e anticorpos – por isso, mesmo uma pequena quantidade de 7 ml por mamada, faz toda a diferença na suplementação do recém nascido.


3° DIA DO BEBÊ

O bebê com 3 dias de vida tem o estômago do tamanho de morango, com capacidade de apenas 22 ml a 27 ml. Ainda se alimenta com o leite riquíssimo do colostro.


7° DIA DO BEBÊ

O bebê com uma semana de vida tem o estômago do tamanho de uma ameixa, com capacidade de 45 ml a 60 ml. Com 7 dias após o parto o leite colostro sofre uma transição O leite neste período é chamado de transição, sendo que é produzido no período intermediário entre o colostro e o leite chamado maduro. Sua composição, portanto, se modifica de forma gradual e progressiva. Nessa fase, as mamas ficam mais cheias, firmes e pesadas. Mamadas frequentes do bebê ajudam a aliviar o inchaço dos seios.


1° MÊS DO BEBÊ

O bebê de um mês de vida tem o estômago do tamanho de um ovo, com capacidade de 80 ml a 150 ml. As mamas produzem leite maduro cerca de duas semanas após o parto. Em seu estágio final e definitivo, o alimento contém todos os nutrientes necessários para o desenvolvimento físico, neurológico e cognitivo do bebê. Sua composição é um equilíbrio perfeito entre macronutrientes (proteínas, lipídios e carboidratos) e micronutrientes (vitaminas, como a vitamina A e C, e minerais, como ferro, cálcio e zinco), sendo assim suficiente para alimentar exclusivamente o bebê até o sexto mês de idade, não sendo necessário nenhum tipo de complemento.



Por que não pode dar frutinha, caldinho de sopa, chá ou água para o bebê antes dos 6 meses de idade?

Não é recomendado por 3 motivos:

1. O estômago e intestino do bebê antes de 6 meses não está preparado para receber esses alimentos. Podendo intoxicar com bactérias contidos neste alimentos.

2. O bebê não está preparado neurologicamente para administrar a deglutição destas substâncias, podendo engasgar ou se afogar, visto que a cavidade oral (músculos das bochechas, dentes, língua e palato), faringe, esôfago e estômago, que atuam de forma sequenciada, ainda não está neurologicamente desenvolvida para todos os comandos de uma deglutição.

3. O organismo do bebê não necessita de nenhum outro alimento além do leite materno para saciar sua fome e sede. O leite materno é considerado o alimento mais rico e nutritivo do planeta.


Amamente em livre demanda o seu bebê para que ele possa receber anticorpos e imunidade. O leite materno combate doenças, infecção, alivia dores do bebê, protege o bebê no futuro de desenvolvimento de alergias e aumenta o elo de carinho e afetividade entre a mãe e o bebê.


LEITE DE FÓRMULA

Para mães que não conseguem alimentar o seu bebê, o leite de fórmula é seguro ao bebê quando receitado pelo médico.


Assista o vídeo deste conteúdo: