O que você está procurando?

podcast-4.png

To play, press and hold the enter key. To stop, release the enter key.

PARTO PREMATURO



Baseado no caso do nascimento prematuro e falecimento do filho (João Miguel) do influencer Whindersson Nunes, recebi muitas dúvidas sobre o parto prematuro: Como:

  1. Como evitar o parto prematuro?

  2. Quais as CHANCES de um bebê de 22 semanas sobreviver?

  3. Quais as CAUSAS do parto prematuro?

  4. Quais os sintomas para o parto prematuro?






Bebês que nascem antes de completar 37 semanas de gestação, são consideradas prematuras. A taxa de sobrevivência do bebê, depende do grau de sua prematuridade.

No caso do filho de Whindersson a causa da morte de João Miguel não foi divulgada, mas o caso dele entra na classe da prematuridade extrema, quando o parto acontece com menos de 28 semanas.

Veja os graus de prematuridade:

Os graus da prematuridade X Idade Gestacional


Prematuro extremo: menos de 28 semanas;

Muito prematuro: 28 a 32 semanas;

Prematuros moderados: entre 32 semanas e 34 semanas.

Prematuro tardio: entre 34 e 37 semanas.

Quais as causas que levam ao parto prematuro?

As causas da prematuridade são muitas e vão desde problemas de malformação do feto até infecções e problemas adquiridos pela mãe, como: miomas e cistos no útero, hipertensão e diabetes. Portanto a gestante deve manter uma boa alimentação, evitar álcool, cigarro e outras drogas. Preste atenção aos corrimentos, dores embaixo do ventre e perda de líquido ou sangue. Siga todas as orientações do médico obstetra do pré-natal.

Como evitar o parto prematuro?

Para evitar o parto prematuro, a grávida deve evitar o excesso de atividade física durante toda a fase da gestação e seguir rigorosamente todas as orientações do obstetra durante as consultas de pré-natal. Caso exista o risco iminente de um parto prematuro, o médico irá prescrever injeções de corticoide, para acelerar o amadurecimento do pulmão do bebê, para que quando o bebê nascer não entre em sofrimento respiratório, ou angustia devido o pulmão não estar maduro.


Para ficar fácil, vou listar aqui as principais causas que levam ao parto prematuro:

  1. Infecção Vaginal, uterina.

  2. Infecção urinária

  3. Ruptura prematura da bolsa amniótica

  4. Descolamento da placenta

  5. Anemia, falta de ferro na mãe.

  6. Hipertensão, pré-eclâmpsia

  7. Diabetes

  8. Problemas na coagulação do sangue, trombose.

  9. Malformação no feto

  10. Esforço físico intenso

  11. Uso de bebidas alcoólicas

  12. Uso de cigarro e outras drogas

  13. Uso de chás proibidos na gestação. (Tenho vídeo listando todos esses chás)

  14. Presença de miomas, cistos ou anomalias no útero

  15. Parto prematuro anterior

  16. Engravidar logo após ter outro bebê; (1 ano e 6 meses)

  17. Grávida de Gêmeos, gravidez múltipla

  18. Estar muito acima do peso

  19. Estar muito abaixo do peso

  20. Gravidez por fertilização in vitro

SINTOMAS DO PARTO PREMATURO

Como reconhecer os sinais de parto prematuro?

  1. Dor nas costas geralmente fica na região lombar. A dor pode ser constante ou ir e vir, mas será incômoda mesmo que você mude de posição.

  2. Contrações uterinas a cada 10 minutos ou ainda mais frequentes

  3. Cólicas intensas no baixo ventre, bem similares às cólicas menstruais.

  4. Vazamento de fluido da vagina

  5. Sintomas semelhantes aos da gripe, como náusea, vômito ou diarréia. Ligue para o seu médico mesmo em casos leves.

  6. Aumento da pressão na pelve ou na vagina

  7. Aumento do corrimento vaginal, que passa a ser gelatinoso e pode ou não conter vestígios de sangue

  8. Sangramento vaginal, incluindo sangramento leve

  9. Aumento da vontade de urinar


Quais os problemas de um parto prematuro para o bebê?

As complicações do parto prematuro estão relacionados com a idade gestacional do bebê ao nascer:


Bebê com 23 a 25 semanas: a maior parte dos casos pode desenvolver deficiências graves, como paralisia cerebral, cegueira ou surdez;


Bebê com 26 e 27 semanas: alguns bebês podem desenvolver deficiências moderadas, como dificuldade visual, falta de controle motor, asma crônica e dificuldade em aprender;


Bebê com 29 a 31 semanas: a maior parte dos bebês se desenvolve sem problemas, mas alguns podem apresentar formas leves de paralisia cerebral e problemas visuais;

Bebê com 34 a 36 semanas: os bebês prematuros desenvolvem-se de forma semelhante aos que nascem dentro da data prevista, mas têm maiores chances de apresentar problemas de desenvolvimento e aprendizagem.


Geralmente, bebês de parto prematuro são colocados numa incubadora, por que eles não são capazes de manter a temperatura do corpo. Assim, o aparelho, a incubadora consegue manter a temperatura e a umidade semelhantes ao útero, permitindo assim o seu pleno desenvolvimento.

https://www.youtube.com/watch?v=BYNdEaimL9g&t=489s




Posts recentes

Ver tudo