O que você está procurando?

podcast-4.png

To play, press and hold the enter key. To stop, release the enter key.

HORA CERTA PARA IR A MATERNIDADE



Quando a gestação vai chegando perto das 38 semanas de gravidez é normal sentir ansiedade de saber quais os sinais do trabalho de parto e, principalmente, saber o momento certo para ir a maternidade.


Tenho um vídeo específico sobre os sinais e sintomas do trabalho de parto


Bom, quando a mulher inicia o trabalho de parto tem 4 etapas:

1. Pródromo

2. Latente

3. Ativa

4. Expulsivo


Gravei recentemente no canal de forma detalhada as 4 fases do trabalho de parto.


Qual é a hora certa para a gestante ir à maternidade?

Quando a mulher alcançar a terceira fase; A fase ativa é a hora certa para ir à maternidade!

A gestante também deve procurar a maternidade se observar sangramento, perceber parada de movimentação fetal ou estiver com a pressão alta. Náuseas e vômitos que não melhoram com medicação e dor de cabeça intensa também são razões para procurar a maternidade também.


Como perceber que chegou na fase ativa?

Quando as contrações estiverem no intervalo de 5 em 5 minutos - você chegou na fase ativa! Nesta fase irá perceber que as dores são mais fortes e intensas, comparada com a fase latente. Progressivamente esse intervalo de tempo de 5 minutos irá diminuir até o parto.


O que seria esse intervalo?

É o curto período de relaxamento sem dor, para a mulher buscar força e fôlego para aguentar a próxima contração.


O que é a contração?

A contração é a força que o útero e o bebê fazem para dilatar o colo do útero para dar abertura à passagem da saída do bebê.

Na fase ativa a gestante provavelmente alcançou os 6 centímetros de dilatação, agora faltam poucas horas até o nascimento do bebê.


A partir da fase ativa, qual é a duração média em horas para alcançar a dilatação total e culminar com o nascimento?

Até alcançar a dilatação total; máxima que são 10 cm e culminando com o nascimento do bebê, pode ter uma duração média de 10 a 14 horas.

Quando a gestante chega nesta fase, ela é internada e lhe são oferecidos mecanismos de alívio da dor como: (exercícios com a bola, caminhar pelo hospital, banho quente, massagens, entre outros) e farmacológicos como analgésicos e analgesia (peridural).


Agora a enfermeira obstetra juntamente com o médico irá observar nas próximas horas o desdobramento do trabalho de parto e os batimentos cardíacos do bebê, até alcançar a fase expulsiva que será rápida chegando em 30 minutos. Nesta fase não pode demorar muito para que o bebê não entre em sofrimento fetal.




--

Posts recentes

Ver tudo